quarta-feira, 4 de novembro de 2015

Confiar - mesmo sem entender!


"Confia no SENHOR de todo o teu coração e não te apóies no teu próprio entendimento.
Reconhece o SENHOR em todos os teus caminhos, e Ele endireitará as tuas veredas."
Provérbios 3.5-6


"Confiança - é uma das principais chaves para superar o medo. Na raiz do medo está a falta de fé de que Deus está no controle. Quando estamos com medo de sair para o que Deus nos disse para fazer ou medo de estar em perigo em qualquer situação, estamos geralmente deixando o fato de que a soberania de Deus vai além daquilo que vemos. Quando nos apoiamos em nosso próprio entendimento, nossas mentes irão criar os piores cenários e as razões pelas quais não devemos fazer o que Deus nos pede. Quando nós confiamos no Senhor de todo o coração reconhecemos que os Seus caminhos são mais altos que os nossos caminhos e que Ele tem um plano para nós, mesmo quando nós não entendemos o "como". Sabe aquela situação em sua vida onde você não vê como as coisas vão acontecer? Tome a decisão de confiar... Deus endireitará as tuas veredas, mesmo quando você não entender os Seus caminhos."

Por Julene Fleurmond

quarta-feira, 9 de setembro de 2015

Chorar Com os Que Choram



"chorem com os que choram." Romanos 12:15


Não consigo ver o que está acontecendo lá e ficar indiferente.
Eu simplesmente não consigo tirar da minha mente a imagem desse menino.
"Tu disseste uma vez que dele é o Teu Reino, então eu creio que o Senhor está com ele nesse momento. Eu sei que o Senhor o abraçou assim que ele deu o último suspiro. Então ele está em paz. Mas Pai, eu me senti tão impotente diante das cenas que vejo... Pai, eu não sei como explicar a dor que sinto no peito pelas cenas que vejo nos jornais."
Enquanto eu orava assim, Ele falou em meu coração que se eu não estou lá eu posso orar. Eu posso clamar por aqueles que estão em meio ao desespero de uma guerra, perseguição religiosa e violência sem fim. Eu posso fazer o que está em meu alcance.
Eu escutei pessoas dizendo: "Ah, mas pra quê ficar nessa comoção toda? É cumprimento da Palavra!"; "Ah, do que adianta ficar triste é Jesus que tá voltando!"
Sim, isso é a Bíblia se cumprindo. Mas enquanto Ele não volta, eu ainda sou igreja. Enquanto Ele não volta eu ainda devo orar por aqueles que sofrem. Eu ainda devo chorar com os que choram. Sim, ainda devo amar como Ele amou. 

Eu oro para que a religiosidade, prepotência e egoísmo não me ceguem e não me impeçam de amar ao meu próximo. Eu oro para que eu possa olhar para aqueles que sofrem com o mesmo olhar que Cristo me olhou um dia.
Eu oro porque mesmo não estando lá, eu creio que minha oração chega até Aquele que está lá, Aquele que levou Aylan Kurdi nos braços.



Por Lorena Mendonça

quinta-feira, 16 de julho de 2015

Ele Sorriu




E da janela do carro, eu admirei a paisagem que Ele desenhou pra mim. Sabe que pude até trocar segredos com Ele? Eu falei pra Ele minhas dúvidas, meus medos, perguntei alguns porquês. Ele sorriu! Quem disse que Ele não sorri?! Ele sorriu porque, se Ele colore o céus de maneira diferente a cada pôr do sol, não estaria Ele cuidando de cada dia meu? Ele sorriu e isso me trouxe calma. Ele sorriu me dizendo que Ele cuida de mim de dia em dia, em cada detalhe. Se foi Dele o meu passado, também é o meu presente e será Dele o meu futuro. Então, foi minha vez de sorrir de volta.


Por Lorena Mendonça

domingo, 21 de junho de 2015

Sobre o Amor




"Não, o amor não dói. O amor é calma, é paciência, é espera, é chegada. Nunca partida. É andar de mãos dadas com orgulho, é apresentar para a mãe, pro amigo, pro cachorro. É ter vontade de dizer ao mundo como nos sentimos. O amor não é barulho, é silêncio. É conseguir olhar nos olhos sem dizer nada e ainda assim conseguir se sentir confortável e confortado. É ter a certeza plena de que podemos andar de olhos vendados ao lado de alguém que nunca te deixaria tropeçar. O amor não é preocupação, não é briga, não é desconfiança. O amor nasce das lágrimas de alegria, não da dor. Nasce das mãos estendidas, dos abraços dados e das palavras ditas. Nasce de ações minúsculas no dia a dia, que se acumulam, acumulam, até quase não caber em nós. Aí vira amor. Quando não há sentimento de posse, há sentimento de lar. O amor é o lar, de onde saímos, temos contato com a natureza lá fora e para onde voltamos ao final do dia, sem obrigação, sem que tenhamos que assinar um termo. Sabemos que é ali o nosso abrigo, onde se encontra nossa paz. O amor é o cuidado, é a certeza, nunca a dúvida. É, enfim, tudo aquilo que no início negamos. As palavras bobas, o coração na boca, as borboletas no estômago. É a ajuda, o ombro, o carinho, o remédio. Porque o amor que é amor não dói… ele cura."


Texto que encontrei por aí [Autor Desconhecido]

quinta-feira, 11 de junho de 2015

Uma Oração Sem Som





Pai, tem horas que dá vontade de desistir
Jogar tudo pro alto e ficar quieta.
Tem horas que palavras machucam, olhares doem
Pessoas nos cortam por dentro.
Tem horas que eu só consigo chorar.
Tem horas que eu queria um colo, um abraço pra me acalentar,
Um ombro pra deitar, um lugar de escape dos meus próprios erros.
Sei que erro, sei que faço más escolhas.
Mas sei também Senhor que pelo seu amor,
Tu consegues me ensinar com meus próprios erros.
Pai, eu tenho medo! 
Eu só tenho forças pra derramar minhas lágrimas diante de Ti.
Senhor, só em Ti encontro o alívio necessário,
A paz que me dá a certeza de que confiar em Ti é o melhor a fazer, mesmo sendo difícil 
E em meio ao furacão que se forma em minha vida, 
Tu és aquele que nunca me rejeitará por causa das minhas imperfeições.
Tu me conheces no mais profundo e escondido lugar da minha alma 
E mesmo assim me amas como sou.
Obrigada Pai por ficar em minha vida mesmo quando todos parecem querer ir embora.
Obrigada por me abraçar quando todos me viram as costas.
Obrigada por sussurrar palavras de conforto em meus ouvidos quando todos gritam.
Obrigada por entender que sou feita de barro e passível de rachaduras.
Obrigada por me pegar no colo e me acalmar quando ninguém mais o faz.
Obrigada por ser meu melhor amigo e entender minhas limitações.
Obrigada por colorir meu futuro em meu coração quando meu presente parece cinzento.
Obrigada Pai por entender minhas imperfeições.
Obrigada por entender que escrever isso, é apenas uma forma de desabafo.
Uma forma que encontrei de falar contigo através das palavras.
Obrigada por me ouvir mesmo sendo através de um simples texto.
Obrigada Pai por ser simplesmente meu Pai.
Obrigada por me chamar de filha.


quarta-feira, 6 de maio de 2015

O que acontece quando se pede a um garoto que dê um tapa em uma menina?



Para provar que ninguém nasce machista e que crianças, mais que adultos, entendem sobre respeito, um grupo de seis garotos entre 7 e 11 anos foi convidado pela Fanpage.it a participar de uma espécie de experimento. Todos eles responderam perguntas sobre seus nomes, idades, e o que gostariam de ser quando crescessem – um quebra-gelo para o que viria a seguir.

Os meninos, todos italianos, foram depois apresentados a uma garota chamada Martina. Eles foram então questionados sobre o que mais gostavam nela – mãos, sapatos e cabelo foram algumas das respostas. Encantados com a menina, foi solicitado que os garotos fizessem carinho nela e que, então, lhe dessem um tapa. Como esperado, nenhum deles aceitou a proposta e, ao serem questionados sobre o porquê, trouxeram respostas bastante simples, como “não se bate em mulher“, “não quero machucá-la” e “sou homem e ela menina“.

Embora seja possível tecer diversas críticas a essa tentativa de “experimento social”, o vídeo é válido à medida que prova o machismo como uma construção cultural e que as crianças (ao menos a maioria delas) estão livres disso. Em três dias o vídeo alcançou mais de 33 milhões de visualizações e, esperamos, contribuiu para o debate sobre o machismo e a violência contra a mulher. Vale a pena assistir:





Fonte:

Achei aqui:

sábado, 2 de maio de 2015

Pensando Em Você



"Eu já não sei mais quantas foram as vezes que eu me peguei pensando em você, ou melhor, em nós. Não sei quantas vezes eu me peguei deitada, morrendo de sono, mas totalmente mergulhada na vontade de poder te mandar uma mensagem apenas para dizer: estou pensando em você.
Pensar em você, na verdade já se tornou um hábito bastante comum, resolvi então, fazer dos meus pensamentos, as minhas mais belas orações... Eu oro por você todos os dias e várias vezes ao dia.
Enquanto dirijo e ouço a música bem alta, quando deito e fico olhando para o teto, quando no meio dos estudos me distraio e fico olhando para o nada, quando ouço alguém falar de amor, quando penso no futuro, enquanto estou me arrumando para sair, afinal, nunca se sabe quando, onde e como nos conheceremos... Em vários momentos do dia, eu estou pensando em você.
É bem verdade que muitas vezes me acho meio maluca, ficar pensando em alguém que você não tem noção de quem seja nem como seja, vivendo fantasias na sua mente e desejando tão profundamente que um dia se tornem realidade, ansiando que o nosso dia chegue, que a gente se conheça e que o Senhor diga "sim, vocês têm a minha benção".
Parece tão perto e tão longe que já nem sei... A verdade é que por mais louco que seja, aqui dentro eu sei que eu já amo você...
É por já te amar que a espera se torna mais suave, encontrei maneiras de te falar isso antes que te conhecesse e quando você me encontrar, saberás o quanto eu tenho te amado."
"Não desperteis o amor até que este o queira." (Cânticos 8:4) 

De fato, esperar nem sempre é fácil, mas certamente é o caminho que nos leva a viver um relacionamento lindo e para toda a vida. Por isso, hoje eu oro para que o Senhor renove sua esperança, te dê força para continuar a caminhar e que sua fé veja o futuro!
Faça de cada pensamento seu, sua mais bela oração.


Por Bruna Thalita

sexta-feira, 3 de abril de 2015

A História - Parte 1




Era o dia 15 de Abril do ano 29 d.C, uma sexta feira como essa.
Às 9 da manhã, Ele estava sendo crucificado. A pele flagelada pelas chicotadas, a boca seca pela desidratação provocada pelo calor e a perda de sangue no caminho. Seus braços foram estendidos em uma estaca, seus pulsos foram colocados retos e pregados na estaca com grandes pregos entre seus ossos para que não caísse da cruz, o mesmo aconteceu com seus pés. Esse processo durou cerca de três horas.
Ao 12:00 a Cruz foi erguida no meio de dois ladrões, Aquele que não tinha nenhum pecado erguido entre dois transgressores. Seria o momento de sentir sua dor física e também a dor psicológica de todo pecado da humanidade mas o mais incrível é que Ele juntando suas últimas forças perdoou o ladrão ao seu lado. Ao meio dia a terra negou sua luz, envergonhada pelo que os homens fizeram ao Filho de Deus. O véu do Templo se rasgou, houve um terremoto a terra chorava e estremecia perante aquela cena. Ele antes de expirar não deixou sua mãe desamparada e ainda perdoou os soldados que o haviam açoitado e pregado Ele ali.
E chegando perto das 15 horas, ouviu se um brado juntando suas últimas forças Ele gritou: "- ESTÁ CONSUMADO!" e dizendo isso entregou o seu espírito. Um homem rico chamado José, veio pegou o seu corpo e o sepultou para que no sábado da preparação da Páscoa não houvessem corpos na cruz. A partir dali eu imagino um silêncio estranho que o mundo nunca havia visto.
Se é o final da história? Não! A história não termina aqui, essa foi a parte 1, afinal é a história de como o amor vence no final. QUER SABER O FINAL? AMANHÃ TEM MAIS!
E lembre-se NÃO FORAM OS CRAVOS QUE O PRENDERAM LÁ, FOI PURO AMOR!!

Por Lorena Mendonça 

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

Até Amanhã




Espero vê-Lo hoje 
mas se não vieres me buscar 
esperarei até amanhã. 
Eu sempre manterei a esperança.
A esperança de morar Contigo.
Eu sempre direi:
"Se não hoje, 
até amanhã, Senhor! 
Até amanhã!"

terça-feira, 17 de fevereiro de 2015

Dos Quais o Mundo Não É Digno



Olhando essas notícias nada mais me passa por minha mente a não ser perguntas: "Que evangelho é esse que estamos vivendo no Brasil? Que relevância estamos tendo? Somos muitos mas que diferença isso está fazendo?"
Quando ocorreu aquele atentado contra a Charlie Hebdo a imprensa fez um barulho enorme em cima disso. Aí fiquei pensando porque não foi noticiado isso ontem? Porque quando o Boko Haram atacou as igrejas presbiterianas na Nigéria não teve o mesmo barulho? Porque quando dois pastores teve seus filhos pequenos serrados ao meio não foi noticiado? Porque que as meninas cristãs violentadas em frente seus pais não tiveram o mesmo espaço?
Um misto de revolta começou a se formar na minha mente mas Deus me fez lembrar de duas passagens bíblicas:

"Sereis odiados por todos por causa do meu nome." Lucas 21:17
"Foram apedrejados, massacrados, serrados ao meio, mortos a fio de espada. [...] necessitados de tudo, perseguidos e maltratados, HOMENS DE QUE O MUNDO NÃO ERA DIGNO!" Hebreus 11:37-38

Nunca seremos amados pelo mundo, nunca seremos defendidos pelo mundo, nunca teremos um espaço grande na mídia. Nós mesmos demos mais ênfase aquele atentado do que aos que estão sofrendo perseguições em várias partes do mundo por levar o Evangelho que nós não levamos nem ao nosso vizinho. Fazemos mega eventos no Carnaval, pulamos, cantamos, gritamos mas se precisar de alguém pra ficar ali na esquina entregando folhetos, segurando faixas poucos se dispõe, falo isso a começar de mim. 
Não é tempo de esperarmos amor ou apoio do mundo. A podridão de Sodoma e Gomorra nem se compara aquilo que estamos vendo no mundo atual que fede diante de Deus. É tempo de acordarmos da nossa embriaguez e das preocupações cotidianas para que o dia do Senhor não nos pegue de surpresa.
Entendi que não devo esperar retorno do mundo, devo me fazer alguém como esses irmãos egípcios que já descansam no Senhor, que o mundo não seja digno de mim.
FAÇA-SE UM CRISTÃO DO QUAL O MUNDO NÃO É DIGNO!!
Termino dizendo MARANATA, venha logo SENHOR!!!

Por Lorena Mendonça

quinta-feira, 12 de fevereiro de 2015

Ela.





As pessoas sempre a perguntavam por quem Ela esperava.
Por muito tempo Ela não soube, por muito tempo Ela ficou perdida.
Até que um dia, depois de tropeçar nos erros pelo caminho, Ela sabia.
Ela espera por alguém que não verá necessidade de trazer flores todos os dias mas que sempre a surpreenderá com um pequeno detalhe.
Ela espera por alguém que mesmo não amando ler saiba suportar seus surtos por livros. Alguém que vá ouvi-la falar sobre personagens como se fossem reais.
Ela espera por alguém que mesmo não tendo o mesmo gosto musical cante com Ela sua música favorita. Ou assista os filmes de romances mesmo achando clichês.
Ela espera por alguém que vai enxugar suas lágrimas quando necessário ou vai fazê-la chorar de rir.
Ela espera por alguém que tenha Deus como principal alvo na vida. Alguém que ame ao Senhor acima dela. Alguém que ame a Palavra Dele, alguém com quem Ela poderá falar sobre Deus no dia-a-dia com naturalidade. Alguém que faça de sua casa, casa de Deus.
Ela espera por alguém que venha do coração de Deus pra Ela. Alguém que traga a paz que vem quando Deus está sorrindo pra gente.
Ela espera por alguém que entenda o valor da espera e que a tenha esperado com a mesma intensidade e anseio que ela.
Ela espera por alguém que queira ficar, sem desculpas, sem medos, sem receios. Alguém que fique e cuide dela. Alguém que também esperou por Ela.
Ela espera por alguém que tenha defeitos assim com ela mesma, mas que esses defeitos se juntem e que se tornem defeitos aperfeiçoados por Aquele que os uniu.
Agora se as pessoas a perguntam Ela sabe responder. Ela sempre sorri e diz: 
- Eu espero e simplesmente creio que ele está por aí e onde quer que esteja, quem quer que seja Deus o guardou para mim e eu já o amo.
Ela sorri porque sabe que mesmo parecendo loucura para muitos, Ele a entende bem e esse alguém virá no devido tempo. O tempo perfeito. O tempo Dele. Ela sabe. Ela crê. Ela sorri. Ela espera. 



Por Lorena Mendonça

quinta-feira, 5 de fevereiro de 2015

Testes, testes, testes...






"Testes, testes, testes. O calabouço parecia uma prisão, cheirava como uma prisão, se assemelhava a uma prisão, mas, se você perguntasse aos anjos do Céu sobre onde José estava, eles responderiam: "Ah, ele está em treinamento."
Esse capítulo da sua vida parece uma clínica de reabilitação, cheira a desemprego ou se assemelha a um hospital, mas pergunte aos anjos. "Ah, ela está em treinamento."
Deus não se esqueceu de você. Ao contrário. Ele escolheu treinar você. O termo em hebraico para teste vem de uma palavra que significa "olhar profundamente para, analisar, escolher". Apague essa ideia de que Deus não está vendo sua dificuldade. Ao contrário, Deus está plenamente ciente. Ele conhece as necessidades do amanhã e, agindo de acordo, usa as circunstâncias da sua vida para realizar os testes pelos quais você passa hoje.
E você diria que Ele não tem essa autoridade? Ele é o Oleiro; nós somos o barro. Ele é o Pastor; nós somos o rebanho. Ele é o Agricultor; nós comos a vinha. Ele e o professor; nós somos os alunos. Confie no treinamento Dele. Você vai sair dessa. Se Deus consegue transformar um prisioneiro em príncipe, não acha que Ele consegue também produzir o bem a partir de sua dificuldade?
Lembre-se de que todos os testes são temporários. Todos eles têm duração limitada. "Vocês exultam, ainda que agora, por um pouco de tempo, devam ser entristecidos por todo tipo de provação" (1 Pedro 1.6). Um teste nunca dura para sempre. "Nós nascemos ontem [...]. Nossos dias na terra não passam de uma sombra" (Jó 8.9). Alguns testes terminam na terra, mas todos os testes cessam com o Céu."




Trecho do livro "Você Vai Sair Dessa" de Max Lucado, pag. 61

quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

Confiar




Sempre quis definir ou firmar em minha mente a questão da confiança em Deus. Eu sou por natureza uma pessoa extremamente ansiosa e confiar pra mim é um dos verbos mais difíceis de se colocar em prática. 
Nos últimos anos já crescida e vivendo meus próprios conflitos internos, rs, essa questão martela minha mente e me faz ter conversas sérias com o Pai sobre isso. Clamo pra que Ele me ensine a descansar, a confiar Nele. E, esses dias eu percebi algo em meu cotidiano que me fez entender melhor como seria colocar em prática o verbo “confiar”.
Meu pai e minha mãe, ficaram fora de casa por três dias e eu percebi como ter a presença deles em casa me faz sentir segura. O que me causa essa sensação? A minha amiga misteriosa: CONFIANÇA. Isso mesmo! O fato de saber que meus pais estão em casa me faz sentir de que se algo ocorrer tenho eles ali pertinho. Se eu fizer alguma burrada ou tiver algum problema posso pedir ajuda a eles e independentemente do quão culpada sou pelos meus problemas, eles são meus pais e sempre estarão ali pra mim. 
Assim deve ser nossa confiança em Deus, afinal Ele é nosso Pai. A perda de confiança em Deus acontece quando deixamos de colocá-lo como nossa prioridade, quando deixamos que a ansiedade tome lugar no nosso coração. 
É como se estivesse em uma daquelas noites de sono leve e qualquer barulho você acorda e diz: - E agora? Meus pais não estão aqui... o que eu faço? 
Toda vez que nos distanciamos da presença Dele, passamos por noites tensas em que pensamos estar sozinhos quando na verdade Deus está ali pertinho. Ele cuida! Por mais escura que seja a situação portas se abrirão, cabe a você buscar mais a presença de Deus pra que a sua confiança seja cada dia mais fortalecida. 


“Todavia, quando o medo me atacar, confiarei em Ti.” Salmos 56.3



Por Lorena Mendonça


terça-feira, 20 de janeiro de 2015

Aprende que... ²



Um dia você aprende que quando se busca a vontade de Deus, permanece na sua vida quem realmente tem que permanecer.
Aprende que todas as pessoas que passam por nossa vida nos deixam algo, nos ensinam algo, 
que pode ser bom ou ruim. 
Aprende que por mais que você dedique o seu máximo os relacionamentos precisam ser uma via de mão dupla, uma doação de ambas as partes.
Aprende que apesar de tudo doar o máximo de si é o que te faz bem. Quem passou, passou.
Aprende que cabe a você doar às pessoas o melhor de si, decepções virão mas acredite em mim elas doem menos quando você fez sua parte dando o melhor que pôde.
Enfim ame com todo o coração, isso só te fará bem! Quem tiver de ficar, ficará!

Por Lorena Mendonça


quarta-feira, 7 de janeiro de 2015

Felizes Para Sempre



Na manhã de 10 de Agosto, eu estava me preparando para ir à igreja. Cody me disse que iria me pegar em meu hotel às 7:30 da manhã para que pudéssemos fazer a passagem de som para os serviços da Igreja Gateway Scottsdale. Ele também me disse para arrumar minha mala, porque eu estaria me mudando para um hotel diferente para os próximos dias. Então lá estava eu - esperando lá fora com a minha mala e pronta para liderar a adoração na igreja. 
Cody entrou em seu carro com o meu café e bolinho favorito da Lux, uma cafeteria da cidade vizinha em Phoenix. "Oh não", pensei, "Eu tenho que ir cantar. Eu não deveria beber café... mas que doce ele!" Mesmo enquanto nos dirigíamos para a "igreja", eu já estava aquecendo a minha voz!
15 minutos nisso, eu olhei em volta e percebi que ele tinha nos levado ao aeroporto de Phoenix. Comecei a perguntar: "Espere, por que estamos no aeroporto? Você dirige por aqui para ir à igreja? Não devemos nos apressar já que começamos na igreja às 9? O que está acontecendo?!" Cody tinha um olhar em seu rosto que eu nunca tinha visto antes e ele não estava respondendo a nenhuma das minhas perguntas. Isso não me impediu. "Estamos pegando alguém? O que estamos fazendo? Por que você não me responde?" Finalmente, ele disse: "Bem, nós não estamos indo para liderarmos a adoração na igreja hoje. Estamos indo para uma viagem."
Eu ri alto e sorri de orelha a orelha. Eu tinha a sensação de que essa viagem iria mudar toda a minha vida. Eu sempre sonhei em ser surpreendida com uma proposta incrível. Eu já estava tão animada e ainda nem tinha deixado o aeroporto! Eu não sabia o nosso destino ou quaisquer detalhes ainda. Ele me disse para não fazer mais perguntas, mas apenas para ir junto para o passeio. Foi este o prenuncio do meu futuro? Para simplesmente confiar ao ser conduzida para um futuro incrível? :)
Quando chegamos para o nosso vôo, eu rapidamente peguei meu cartão de embarque e vi a cidade no bilhete: Los Angeles. Eu pulei para cima e para baixo, sorrindo muito! Eu lhe disse que amava sua criatividade louca. Isso foi muito divertido!
Nós pousamos em Los Angeles, ele pegou nosso carro alugado, e a viagem misteriosa continuou. Trinta minutos depois, parou em frente a um prédio velho do centro. Cody me disse para descer do carro e ir para o piso superior. "Agora? Aqui?", Perguntei. "Sim", ele riu. "Eu vou estacionar e já chego lá!"
Meus pensamentos aceleraram. "É isso. Estamos ficando noivos agora! O que poderia estar no andar de cima?" No elevador, eu lutei contra o desejo de gritar: "Estou prestes a ficar noiva!" para os estranhos ao meu redor. Eu não queria assustar ninguém! Se eles soubessem o que estava passando em minha cabeça!
As portas do elevador se abriram, revelando um restaurante chamado "O Perch". Com o
sorriso mais idiota no meu rosto, eu estava sendo escoltada para uma mesa reservada com o nome "Carnes." Este foi um dia em que eu havia esperado muito tempo! Cody entrou logo depois e pedimos a nossa comida. Fiquei pensando: "Ok, é aqui. Talvez ele vai pedir antes de comer... ou talvez logo depois." O pequeno almoço veio e se foi nenhuma proposta. Quando saímos eu pensei, "Eu aposto que ele vai esperar até o jantar." Eu estava me esgotando ao tentar descobrir tudo. Mas eu não podia parar. Eu estava muito animada!
Passamos um grande dia ao dirigir por Los Angeles e fazermos compras no "The Grove". Eu comprei alguns vestidos para que eu pudesse ficar toda arrumada para o jantar. Eu queria estar pronta, apenas no caso de ele propor! O jantar foi maravilhoso, mas ainda não havia uma proposta. Naquela noite eu pensei: "Talvez essa seja apenas uma viagem divertida e eu não deveria ter esperanças de uma proposta". Ainda assim, quando eu fui para a cama, algo em meu coração me disse que eu deveria acordar cedo. Na manhã seguinte, eu escrevi no meu diário e preparei o meu coração para o que eu pensei que poderia ser o dia. Cody me pegou às 8:45. Nós dirigimos através de uma bela montanha para chegar ao suposto restaurante onde estaríamos tomar café da manhã. Na noite anterior, ele me disse que o lugar do nosso café da manhã seria muito bom, então eu tinha a certeza de como me vestir.
De repente, ele me puxou para um estacionamento da praia pública. Ele tirou um bilhete de estacionamento e colocou no painel. Engoli em seco. "Você já esteve aqui! Onde estamos? Há quanto tempo você está acordado? O que você está fazendo?" Ele só me disse para colocar meus chinelos, então ele pegou minha mão e disse: "Venha comigo".
Foi uma longa caminhada até a íngreme e sinuosa colina. Às vezes havia escadas, mas outras vezes eu tinha de ficar mantendo o equilíbrio para descer. Chegamos ao fundo, cercado por rochas maciças e a praia mais bonita que já tinha visto. Cody me levou em torno de uma das rochas, onde ele tinha escondido uma mesa, tudo pronto para o café da manhã!
Assim que eu vi a mesa, eu sabia que esse era o momento especial que eu sonhei a minha vida inteira. Eu havia passado anos me perguntando como isso se desenrolaria, e foi incrível. Tudo foi muito pensado - a mesa antiga, almofadas, caixas de madeira para sua caixinha de som, taças, talheres e minhas flores favoritas. Perfeito!


Ele me ajudou a sentar em um grande travesseiro de pelúcia, então colocou um guardanapo no meu colo, como se eu estivesse em um restaurante chique, e me serviu o café da manhã.
Foi tão surreal e doce. Parecia que o mundo inteiro parou por um momento. Nós apreciamos o café da manhã com uma lista de doces canções de amor por Ben Rector, Andrew Ripp e mais de nossos artistas favoritos. Depois de um tempo, ele me pediu para dançar. Conforme nós dançamos, eu notei que o sol rompeu as nuvens de repente e brilhava sobre nós. Eu senti a presença do Senhor em torno de cada parte deste momento.
Eu senti Sua presença como se estivéssemos no meio de um culto de adoração. Cody em seguida, me sentou, tirou um jornal e me entregou. Lá dentro, eu encontrei uma história que ele havia escrito para mim, razões pelas quais ele se importava comigo, e suas esperanças e sonhos para o nosso futuro. Na última página, ele disse: "Agora levante-se, pegue minha mão e caminhe até a praia comigo. Há algo que eu quero mostrar para você". Eu me senti tão cercada pela presença de Deus enquanto as lágrimas escorriam pelo meu rosto.
Voltamos ao redor da mesma rocha que tínhamos passado anteriormente, onde fui recebida por alguns da minha querida família e amigos! E foi isso. Eu perdi. Eu comecei a chorar tanto que eu mal conseguia ficar de pé. Em um dos momentos mais incríveis da minha vida, ele andou na frente deles, desceu em um joelho, disse que me amava pela primeira vez, e por fim, me pediu para casar com ele.


Claro, eu disse SIM!


Compartilhar este momento com os meus amigos e família, especialmente meu pai, foi tão bonito. Meu pai e eu tivemos algumas conversas difíceis muitas vezes ao longo dos anos. Ele sempre foi honesto comigo, me incentivando a lutar pela paz e esperar para dar o meu coração para o homem de Deus para mim. Eu era capaz de prometer meu coração para Cody bem na frente do homem que me ajudou a guardar o meu coração por toda a minha vida.
Depois, descobri que meus amigos e família haviam chegado na noite anterior e foram se hospedar no mesmo hotel que eu! Cody tinha planejado minha agenda para que eu não fosse topar com qualquer um deles. Eu também descobri que ele havia visitado Los Angeles duas semanas antes, enquanto eu estava na África do Sul, para se certificar de que era ali que queria propor. Ele havia tirado fotos e vídeos e enviou-os a todos para que eles soubessem para onde ir. Ele também tinha organizado para nós comemorarmos com minha família e amigos por mais 2 dias e aproveitar a ensolarada Califórnia. Que planejador!
Através de toda esta experiência, eu aprendi que Deus se preocupa com os pequenos detalhes que temos escondidos em nossos corações. Eu sempre quis planejar isso, e Cody
foi além de qualquer coisa que eu poderia ter imaginado. Eu sou tão grata e vou estimar ele e este momento especial para sempre!


Kari Jobe 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...